Nesta viagem iremos das praias às montanhas do Peru, atravessando a cordilheira e o planalto nesta fascinante rota de 12 noites. Serão visitados os principais atrativos históricos, culturais e naturais de Lima, Ica, Arequipa, Puno e Cusco; além de deliciar os olhos com paisagens únicas, deliciar o paladar com sabores ousados e nutrir-se com a essência das cidades mais tradicionais. A aventura termina com uma visita a Machu Picchu, a impressionante cidadela inca pela qual o mundo inteiro se apaixona.

13 Dias / 12 Noites
a partir de
€2,064
por pessoa

Te interessa?

Faça sua busca e garanta o melhor preço.

detalhes do circuito

Maravilhas do Peru (sem voos) itinerário

Dia 1:

LIMA

Chegada e traslado ao hotel. Alojamento.

Dia 2:

LIMA

Café da manhã e saída para explorar o centro histórico de Lima, declarado Patrimônio Mundial pela UNESCO, repleto de fascinantes edifícios históricos. O passeio começa com o Museu Larco, localizado no tradicional bairro de Pueblo Libre e instalado em uma mansão do vice-reinado lindamente restaurada, que por sua vez foi construída sobre uma pirâmide pré-colombiana do século VII. Possui uma coleção pré-hispânica muito completa de objetos de ouro e prata, além de peças de arte erótica. Depois continuamos até a Casa Aliaga, uma mansão colonial concedida em 1535 pelo conquistador Francisco Pizarro a um de seus capitães, Jerónimo de Aliaga. É a única casa da época que ainda pertence à mesma família. Continuamos com um passeio panorâmico pelo centro colonial. Visita à Plaza de Armas, onde poderá apreciar a grande arquitetura do Império Espanhol. Aí está a sua magnífica Catedral, construída no século XVI. Resto do dia livre. Alojamento.

O que você vai ver hoje?

Dia 3:

LIMA – PARACAS (sobrevoo das linhas de Nazca)

Café da manhã e traslado à estação para saída em ônibus regular com destino a Paracas. Chegada e traslado ao hotel para inscrição. Em seguida, traslado ao aeródromo de Pisco para desfrutar de um voo sobre o deserto e apreciar as linhas de Nazca. Nazca é uma pequena cidade que poderia passar despercebida no mapa se não fosse pelos misteriosos geoglifos desenhados na areia que a tornaram mundialmente famosa. Um macaco, uma aranha e um condor (todos grandes) podem ser vistos do ar enquanto você tenta decifrar sua aparência misteriosa. Se as condições climáticas e o espaço aéreo permitirem, sobrevoe as descobertas recentes em Palpa. Depois de sobrevoar as suas montanhas, onde se encontram fósseis marinhos com até 150 milhões de anos, a experiência aérea termina. Tempo livre para almoço (não incluído) antes do traslado à estação para retorno em ônibus regular a Paracas. Resto do dia livre. Alojamento.

O que você vai ver hoje?

Dia 4:

PARACAS – ILHAS BALLESTAS – LIMA

Café da manhã e traslado ao cais para saída de barco até as Ilhas Ballestas, uma reserva natural com belas formações geológicas e fauna impressionante, você ainda pode ver vestígios de culturas pré-incas. As Ilhas Ballestas abrigam pássaros, pelicanos, leões marinhos, pinguins de Humboldt e outras espécies fascinantes. Ao longo do caminho, poderá ver o ainda inexplicável desenho desenhado na areia em forma de candelabro. Ao final da excursão, traslado à estação e saída em ônibus regular de volta a Lima. Chegada e acomodação.

O que você vai ver hoje?

Dia 5:

LIMA-AREQUIPA

Café da manhã cedo e traslado ao aeroporto para embarque em vôo local com destino a Arequipa (*). Chegada na chamada “Cidade Branca” e traslado ao hotel. Feito o registro, saída para explorar a cidade. O passeio começa na praça principal, chamada Plaza de Armas. Você poderá admirar sua elegante basílica catedral de estilo neo-renascentista e o sensacional Convento de Santa Catalina, que durante séculos foi uma “cidade proibida” no coração de Arequipa, fechada aos olhares indiscretos e à influência do mundo exterior. Fundado no século XVI, o convento era uma vila quase autossuficiente, composta por casas para as freiras e suas criadas, claustros, praças e ruas estreitas, cozinhas e refeitório, entre outros. As famílias das freiras pagaram grandes somas para a internação das filhas, o que aumentou a riqueza e o prestígio do local. Hoje, caminhar por suas ruelas coloridas é como voltar no tempo e permite entender o Peru colonial. O passeio continua até chegar à Igreja da Companhia, talvez a maior obra do barroco peruano, com uma fachada fascinante. A sacristia é especialmente bela graças à sua cúpula e às paredes cobertas por murais que mostram a flora e a fauna tropicais. O seminário jesuíta é conhecido pelo seu belo claustro principal. Finalmente chegaremos aos bairros de Yanahuara e Carmen Alto, onde poderá desfrutar de uma magnífica vista do vulcão Misti, que se eleva acima da cidade. Voltarei para o hotel e depois terei o resto do dia livre. Alojamento.

(*) O cliente pode optar por ter este voo incluído no pacote ou comprá-lo e reservá-lo por conta própria.

(Dress code para Igrejas: durante a visita não é permitido o uso de camisas ou camisetas de manga curta ou suspensórios e calças acima dos joelhos, caso contrário não será possível entrar).

O que você vai ver hoje?

Dia 6:

LIMA – VALE E CANYON DO COLCA

Café da manhã e saída por estrada até o Vale do Colca, passando primeiro pelo distrito de Yura, que se caracteriza por uma série de impressionantes características geográficas, como desfiladeiros, cadeias de montanhas e cânions. Continuamos pela Reserva Pampas Cañahuas, uma extensa planície povoada por vicunhas, um dos 4 camelídeos andinos nativos encontrados no Peru. Atravessaremos os pampas de Viscachani e Toccra, margeando a cratera do vulcão Chucura para chegar ao mirante Los Andes em Patapampa, localizado a 4.910 metros acima do nível do mar. Daqui você pode ver os diferentes vulcões que cercam Arequipa. O almoço será realizado na pitoresca cidade de Chivay e depois traslado ao hotel no Vale do Colca para aproveitar o resto da tarde livre. Alojamento.

O que você vai ver hoje?

Dia 7:

VALE DE COLCA E CANYON - PUNO

Café da manhã. Prepare-se para um dia inesquecível, com uma impressionante viagem ao miradouro da Cruz del Cóndor. Respire fundo e aprecie a imensidão do Vale do Colca, um dos cânions mais profundos do mundo, com altura (em suas áreas mais altas) superior a 4.160 metros, o dobro do Grand Canyon do Colorado. A emoção que se sente com esta experiência vai aumentar ao observar o espetáculo natural dos imensos condores sobre o cânion. Deixe-se surpreender ao ver estas elegantes aves de rapina sobrevoarem-no, patrulhando-o com disciplina militar. Desceremos até o fundo do vale para descobrir alguns dos povoados rurais localizados nas margens do rio Colca, como Pinchollo, Maca, Achoma e Yanque. Você também pode fazer uma parada nos mirantes Antahuilque e Choquetico para admirar as majestosas vistas do vale. A viagem continua em direção a Puno. As paisagens vão encantá-lo, com a sua combinação de planaltos, formações rochosas invulgares e lagoas povoadas por grous que batem as asas sobre a água. Almoço no caminho. Após seis horas de viagem, chegamos ao nosso próximo destino, Puno. Alojamento.

O que você vai ver hoje?

Dia 8:

PUNO – LAGO TITICACA - PUNO

Café da manhã e traslado ao porto de Puno, onde um barco o espera para levá-lo às belas ilhas de Uros. Os Uros são uma sociedade antiga que habita uma série de ilhas artificiais construídas sobre uma base de juncos trançados que crescem no próprio lago. No cimo, os habitantes constroem as suas casas, também de caniço. Depois de uma fantástica excursão de uma hora e meia, a navegação continua em direção à ilha de Taquile, um belo pedaço do céu que pertenceu ao Império Inca. Vestígios dessa cultura ainda podem ser vistos em suas estruturas. Uma vez lá, haverá uma sessão de informação sobre a ilha e poderá presenciar uma atividade cultural. Após um delicioso almoço, retorno a Puno. Resto do dia livre. Alojamento.

O que você vai ver hoje?

Dia 9:

PUNO - CUZCO

Café da manhã e saída para o coração do Império Inca. Traslado à rodoviária e saída em ônibus turístico que o levará a Cusco. O percurso percorre paisagens incríveis do planalto montanhoso, com aldeias e animais nativos ao redor. Pare para fazer uma pausa no sítio arqueológico de Pucará, que data de 200 a.C. até 300 DC Breve parada em La Raya, o ponto mais alto entre Puno e Cusco, localizado a mais de 4.313 metros acima do nível do mar. Almoço em Sicuani. Depois visitaremos Racchi, onde está localizado o templo Wiracocha, uma surpreendente construção retangular de 30 metros de largura por 20 metros de altura. Pouco antes de chegar a Cusco, faça uma parada na cidade de Andahuaylillas para conhecer sua principal atração: a igreja de San Pedro, apelidada de “Capela Sistina da América” pelas impressionantes obras de arte encontradas em seu interior. Ao chegar na rodoviária da Cidade Imperial, traslado ao hotel. Alojamento.

O que você vai ver hoje?

Dia 10:

Cusco

Café da manhã e manhã livre para descansar ou passear pelas praças e belas ruas de paralelepípedos da cidade. À tarde, saída para visita guiada a esta encantadora cidade que foi capital do Império Inca. O passeio começa visitando o Convento de Santo Domingo, construído sobre o templo inca de Coricancha e um dos locais mais importantes dedicados ao culto ao sol. Crônicas antigas dizem que suas paredes eram cobertas de folhas de ouro e repletas de representações douradas da natureza. Depois visite a Catedral, o monumento mais impressionante da Plaza de Armas. Em seguida, saída em direção às colinas de Cusco, onde está localizada a fortaleza de Sacsayhuamán, cujas imponentes muralhas oferecem uma impressionante vista panorâmica de Cusco. Continuamos em direção a Qenqo, complexo arqueológico de uso religioso onde se acredita que os Incas praticavam rituais relacionados à agricultura. O passeio termina em Puca Pucará, no “forte vermelho” quéchua, um conjunto arquitetônico supostamente de uso militar, com múltiplos ambientes, praças, banhos, aquedutos e torres. Acredita-se que tenha sido utilizado pela comitiva inca enquanto o líder descansava em Tambomachay. Após terminar a visita, regresso ao hotel e resto do dia livre. Alojamento.

O que você vai ver hoje?

Dia 11:

CUZCO – VALE SAGRADO

Café da manhã e partida para a cidade de Chinchero (*). Este centro urbano tradicional de Cusco é especial não só por sua vista privilegiada da paisagem do Vale Sagrado, mas também porque seus habitantes preservam as tradições e conhecimentos herdados dos incas que se refletem em suas roupas e artesanato. Além de seu legado cultural, em Chinchero você pode visitar os terraços agrícolas e sua bela igreja do século XVII, construída sobre um antigo palácio inca e considerada uma das primeiras construções católicas do Peru. A viagem continua pelo Vale Sagrado em direção a Ollantaytambo, fazendo uma parada no caminho para apreciar a paisagem de um mirante antes de chegar ao Museu Vivo de Yucay. Este museu é na verdade um centro de interpretação das tradições andinas, com demonstrações de trabalhos têxteis, artesanato em adobe, cerâmica e prataria usando as mesmas antigas técnicas incas. Alpacas, lhamas e ovelhas vivem aqui, que você pode ver de perto e até alimentar. Finalmente, há um passeio pela cidade de Ollantaytambo, onde será servido um delicioso almoço. Aprecie a essência andina que se respira no lugar caminhando por suas ruas, que ainda mantêm o planejamento urbano inca e desde então habitadas, ou suba a icônica fortaleza construída na encosta da montanha. Após a visita, traslado ao hotel para descansar no espírito inca. Hospedagem.


(*) As visitas que acontecem aos domingos incluem o mercado Chinchero.


O que você vai ver hoje?

Dia 12:

CUZCO – MACHU PICCHU – CUZCO

Café da manhã e traslado à estação de Ollanta para saída de trem com destino a Aguas Calientes, passando por espetaculares paisagens andinas e onde chegaremos depois de uma hora e meia. Chegada e continuação em ônibus até Machu Picchu, a “cidade perdida dos Incas”. Acredita-se que o sítio arqueológico foi construído por volta de 1450 pelo Inca Pachacutec como residência de férias. Porém, um século depois, a cidade foi abandonada após a conquista espanhola, salvando-a da destruição que atingiu outros assentamentos incas. Em vez disso, a selva a escondeu e protegeu. Durante a visita guiada, você conhecerá as origens desta impressionante cidadela, apresentando seus monumentos mais notáveis. Terminada a visita, retorne a Aguas Calientes para almoçar e depois pegue o trem de volta à estação de Ollanta. Chegada e traslado ao hotel em Cusco. Alojamento.

(O horário do almoço pode variar dependendo da entrada da cidadela)

(Muito importante : Devido à capacidade limitada da cidadela, recomenda-se comprar os ingressos para Machu Picchu com bastante antecedência, pois estão sujeitos à disponibilidade no momento da solicitação da reserva e do pagamento. Uma vez adquirido o ingresso, não é reembolsável).

O que você vai ver hoje?

Dia 13:

CUZCO

Café da manhã e tempo livre até o horário do transfer para o aeroporto.